Out-flow

O que hoje me preocupa não são as suadas tentativas de obter a “glória para o sucesso do pós-ensino médio”. Agora os choros são outros e mais intensos. Depois de ter passado o ritual, os resquícios dessa glória até resistiram um bom tempo, mas foi só uma máscara que cobria a angústia e o descontentamento. A distância geográfica como principal obstáculo causa tremedeiras além das comuns. As ondas que vibram meu cérebro incomodam muito. Nunca amei e odiei o ser humano tanto como agora. Nunca desejei que o tempo parasse e voasse no mesmo instante. O limite está chegando. Na verdade já chegou, pois eu é que dei um jeitinho de deixar pra depois.

Cada vez mais sinto nojo da perfeição, do politicamente correto, das boas maneiras ditas por sei lá quem como metas de um viver digno. Ainda tenho que tirar forças pra suportar o cheiro de todo esse lixo. Se tento minimizar, acaba se maximizando. Como então segurar? Essa é a pergunta na qual respondida, pode inverter os pólos dessas malditas ondas vibradoras.

Anúncios

Uma resposta para “Out-flow

Já pode comentar...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s